sábado, 31 de janeiro de 2009

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

bléh


Roubam o dinheiro, os costumes, os hábitos, as manias, os vícios, as tristezas, as alegrias, as certezas, as incertezas, o lado bom, o lado ruim, o cotidiano, as pessoas, os amores, os ex-amores, os sentimentos puros... roubam.
E enquanto a gente é cheio, completo e saciado, quase não percebemos. Mas sabemos o que se passa.
A vontade? Buscar a verdade e o que há de real no outro. Enfim.
Agora, me pondero com aquelas adoráveis criaturas que têm instinto forte em uma poço de candura. Melhor dizendo: um lobo em pele de cordeiro. (Diogo, 2007). Porque eu já fui vacinado.

domingo, 18 de janeiro de 2009

~

"O amor não me compete
Eu quero é destilar as emoções!"

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

O sol

O sol é aquela bola quente, forte, intensa, que maldizemos quando estamos querendo chegar o quanto antes em casa pra comermos e tomar um banho gelado. Também é aquele que nos faz comprar litros de protetor solar para mantermos a nossa saúde dérmica.
Mas, quando o sol se une ao verão... ah, nada é melhor, e ele nem mesmo deveria se pôr. Ah, o sol... ah, o verão...